• Santuário Santa Rita de Cássia
  • Notícias Gerais
     
     
    21.Mai - Paz de Jesus ajuda a suportar dificuldades na vida, afirma Papa

    O Papa Francisco celebrou nesta terça-feira, 21, a missa na capela da Casa Santa Marta comentando a promessa de Jesus aos discípulos: “Deixo-vos a paz, a minha paz vos dou; mas não a dou como o mundo”. A homilia do Pontífice foi inspirada na interrogação: como é possível conciliar as “tribulações” e as perseguições que São Paulo sofre, narradas na página dos Atos dos Apóstolos, com a paz que Jesus deixa aos seus discípulos contidas no Evangelho de João?


     


    “A vida de perseguições e tribulações parece uma vida sem paz”, comentou o Santo Padre que relembrou a última das bem-aventuranças: “Bem-aventurados sois vós, quando vos injuriarem e perseguirem, e mentindo, falarem todo mal contra vós por minha causa”. Para o Papa, a paz de Jesus caminha com a vida de perseguição, de tribulação, e é muito profunda em relação a todas as coisas, sendo uma paz que ninguém pode tirar, uma paz que é um dom, como o mar que na profundidade é tranquilo e, na superfície, existem as ondas.


     


    Viver em paz com Jesus é, de acordo com Francisco, ter a experiência de uma paz que permanece durante todas as provações, todas as dificuldades, todas as “tribulações”. Somente assim, acrescentou o Pontífice, pode-se compreender como tantos santos viveram a última hora sem “perder a paz”, a ponto de falar às testemunhas que estavam “indo ao martírio como convidados às núpcias”. “Este é o dom da paz de Jesus – paz que não podemos ter através de meios humanos, indo ao médico ou tomando ansiolíticos”, frisou o Santo Padre


     


    A paz dada por Deus trata-se de algo diferente, que vem do Espírito Santo, no interior de cada pessoa, sublinhou o Papa, que citou o caso de um homem, que ele visitou alguns dias atrás, acostumado a trabalhar tanto e que, de maneira improvisa, com o avançar da doença, teve que abandonar todos os seus projetos e mesmo assim conseguiu ficar em paz. “Este é um verdadeiro cristão”, comentou Francisco, que explicou:


     


    “A paz nos ensina, a paz de Jesus, nos ensina a ir avante na vida. Ela nos ensina a suportar. Suportar: uma palavra que nós não entendemos bem o que significa, uma palavra muito cristã, que é carregar sobre os ombros. Suportar: carregar a vida sobre os ombros, as dificuldades, o trabalho, tudo, sem perder a paz. Ou melhor, carregar sobre os ombros e ter a coragem de ir avante. Isso se entende somente quando há o Espírito Santo dentro, que nos dá a paz de Jesus”.


     


    Segundo o Pontífice, ao ter no coração o “dom prometido por Jesus” e não aquele que vem do mundo ou do dinheiro no banco, homens e mulheres têm a possibilidade de conseguir enfrentar as dificuldades, mesmo as mais difíceis, e ir avante e com uma capacidade a mais que faz sorrir o coração.


     


    O Papa concluiu: “A pessoa que vive esta paz jamais perde o senso de humor. Sabe rir de si mesma, dos outros, ou melhor, da própria sombra, ri de tudo … Este senso do humor que está tão próximo da graça de Deus. A paz de Jesus na vida cotidiana, a paz de Jesus nas tribulações e com aquele pouquinho senso de humor que nos faz respirar bem. Que o Senhor nos dê esta paz que vem do Espírito Santo, esta paz que é característica Dele e que nos ajuda a suportar, carregar, tantas dificuldades na vida”.


    Fonte: Canção Nova

    Indique a um amigo
     
     
    Contato
  • Santuário Santa Rita de Cássia


    Rua Padre Dehon, 728 Hauer – Curitiba/PR
  • (41) 3276-2075 ou (41) 3278-6557
  • contato@santuariosantaritadecassia.com.br
  • instagram twitter
     
    Patrocinadores
     

    Copyright © 2019 Santuário Santa Rita de Cássia. Todos os direitos reservados.