• Santuário Santa Rita de Cássia
  • Notícias Gerais
     
     
    16.Jul - Haiti: chegaram as primeiras 500 mil doses de vacina Covid-19

    A notícia da chegada das primeiras 500 mil doses de vacina Covid-19 no Haiti, foi dada pelo Diretor Geral do Unicef para a América Latina e o Caribe, Jean Gough . O Haiti até dois dias atrás era o único país das Américas sem uma única dose da vacina Covid-19. Na sua declaração afirmou: “Nos primeiros cinco meses deste ano, o número de casos e mortes da Covid-19 quase dobrou no Haiti. Apesar deste recente aumento, cada uma destas 500.000 doses trará uma luz de esperança ao país caribenho, especialmente em um momento em que a crescente violência urbana ameaça o bem-estar das crianças e das famílias. Em junho passado, a violência urbana entre grupos armados aumentou em várias áreas da capital durante um pico nos casos da Covid-19. Mais de 15.000 mulheres e crianças foram forçadas a fugir de suas casas. A crescente insegurança e os confrontos entre quadrilhas dificultaram seriamente as operações humanitárias nos subúrbios de Porto Príncipe”.


    Resistência à vacina


    “No contexto do Haiti”, continua o representante do Unicef, “onde a resistência às vacinas é alta, chegar às comunidades com doses de vacinas não garante que elas queiram ser vacinadas. De acordo com os resultados preliminares de um estudo de percepção apoiado pelo Unicef, realizado pela Universidade do Haiti em junho, apenas 22% dos haitianos concordariam em ser vacinados”.


    Cadeia de frio


    E explica a questão da conservação da vacina: “Para acelerar a próxima campanha de vacinação Covid-19, o Unicef tem trabalhado sem parar para melhorar o transporte, aumentar a comunicação de massa e fortalecer a cadeia de frio (para armazenar vacinas) em todo o país. Em quase todos os centros de saúde do Haiti, nossas equipes instalaram geladeiras solares para manter as vacinas na temperatura certa - mais de 900 no total”.  


    Contexto haitiano


    Por fim o Diretor Jean Gough explica as dificuldades do contexto haitiano: “Esperamos que esta primeira doação de doses seja seguida por outras. Em qualquer parte do mundo, lançar uma campanha de vacinação em massa para a Covid-19 é uma tarefa complicada. No atual contexto haitiano, será uma batalha ainda mais dura para nossas equipes nas próximas semanas e meses. Quando as gangues estão atirando umas nas outras nas ruas, transportar vacinas com segurança de um centro de saúde para outro todos os dias é uma vitória. Sem eletricidade constante, manter um grande número de doses de vacinas frescas durante a viagem é um desafio”.  


    Concluindo explica: “Juntamente com as autoridades haitianas, a Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS) e outros parceiros, o Unicef está empenhado em fazer esforços extraordinários para atender à tão esperada necessidade de vacinas do Haiti até que os grupos populacionais mais vulneráveis sejam protegidos contra a Covid-19".  



    Fonte: Vatican News

    Indique a um amigo
     
     
    Contato
  • Santuário Santa Rita de Cássia


    Rua Padre Dehon, 728 Hauer – Curitiba/PR
  • (41) 3276-2075; (41) 3278-6557 ou (41) 98778-1840
  • santuariodasrosasctba@hotmail.com
  • instagram twitter
     
    Patrocinadores
     

    Copyright © 2021 Santuário Santa Rita de Cássia. Todos os direitos reservados.